Emprego

Vaga para Supervisores de HIV Pediátrico e Gestão de Casos

100views

A Organização Comunitária para Saúde e Desenvolvimento (OCSIDA) pretende contratar para sua equipa seis (6) Supervisores de HIV Pediátrico e Gestão de Casos (M/F) sendo quatro para Matola e dois para Marracuene.

Resumo do Cargo

O (a) Supervisor(a) de Gestão de Casos e HIV Pediátrico é um elemento de suporte e apoio técnico dos gestores de casos, gestores de casos líderes e Facilitadores de Ligação na implementação de acções de gestão de casos, especificamente na componente de Seguimento dos beneficiários do projecto, com destaque para famílias com crianças e adolescentes HIV Positivas. Ele(a) responde diretamente para o oficial do projecto e trabalha em coordenação com os facilitadores de ligação, gestores de casos, unidades sanitárias, para identificar e garantir adesão e retenção dos beneficiários em tratamento nas US e outros membros da família.

Responsabilidades

  • Coordenar todas as actividades dos Facilitadores de ligação, gestores de casos, gestores de casos líderes, elaborar os relatórios de supervisão com base nas actividades por eles efectuadas;
  • Reforçar a explicação sobre o projecto de COVs ao nível da US para os técnicos de saúde e parceiros clínicos, assim como para os utentes;
  • Representar a Organização nos encontros do comité TARV na US, e partilhar informações relevantes sobre os actividades do projecto para a melhoria da retenção e conhecimento do sero estado;
  • Identificar factores que contribui para fraca adesão ao TARV e juntamente com a família, desenhar estratégias que visam melhorar a situação;
  • Fazer a mentoria semanal das actividades dos Facilitadores de Ligação, gestores de casos, gestores de casos líderes;
  • Realizar encontros semanais de balanço e planificação das actividades dos gestores de casos e Facilitadores de Ligação;
  • Fazer a análise semanal dos dados dos indicadores chaves e desenhar estratégias para melhoria dos mesmos;
  • Garantir a Referência e contra referencia e Testagem de HIV de beneficiários ao nível da US;
  • Organizar com as US campanhas de testagem de HIV para os beneficiários que tenham sero estado desconhecido;
  • Garantir o uso correto dos instrumentos padronizados pelo MISAU;
  • Orientar e garantir que os Facilitadores de Ligação façam o seguimento de crianças HIV positivas, monitorando as datas das consultas, levantamento de medicamentos, Colheita e análises de Carga Viral;
  • Apoiar aos FL na identificação precoce de CALHIV beneficiários que estejam com perca de seguimento nas US e dar informação ao gestor de casos que esteja a seguir a família para que possa trazer a criança e retornar aos Cuidado e Tratamento;
  • Apoiar aos Facilitadores de Ligação e gestores de casos na identificação de crianças e Adolescentes que necessitam de iniciar o processo de revelação de diagnóstica e referir estas crianças para o APSS na US;
  • Apoiar aos gestores de casos, gestores de casos líderes e FL a identificar CALHIV que tenham critérios para se beneficiarem dos Modelos diferenciados de serviços nas US e referir para os clínicos para avaliação e inclusão nos modelos;
  • Em coordenação com o pessoal da US e Parceiros clínicos, fazer o seguimento de CALHIV que tenham carga viral não suprimida;
  • Apoiar as US na facilitação dos encontros de Clubes de Adesão de acordo com o plano de cada US;
  • Garantir o reconhecimento das referências por outros intervenientes do processo;
  • Mobilizar e apoiar na integração dos beneficiários nos grupos de poupança;
  • Organizar visitas domiciliárias conjuntas de mentoria e supervisão dos gestores de casos e apoiá-los no seguimento de casos críticos/difíceis;
  • Em coordenação com os facilitadores de ligação, realizar mensalmente a triangulação de dados de CLHIV em cada US;
  • Garantir o apadrinhamento de todas as crianças dos 0-19 anos em TARV ao nível da US pelos gestores de casos, facilitadores de ligação e outros actores comunitários;
  • Identificar lacunas e realizar a formação continua dos gestores de casos e FL, em coordenação com o Oficial do Projecto e pessoal da US, bem como com os Parceiros clínicos;
  • Tem como responsabilidades adicionais, representar a Organização nos fóruns ao nível da US, comunidade de implementação do projecto, triangular, analisar os dados e apoio as crianças em tratamento ao nível das USs.

Requisitos

  • Ter o nível médio (12ª classe) do sistema Nacional de educação ou equivalente. Formação em saúde será considerado como uma grande vantagem;
  • Ser uma pessoa dinâmica, comunicativa e com capacidade de liderar e influenciar grupos de pessoas;
  • Experiência de trabalho em programas de saúde na US e Comunidades, especificamente com programas de Pediatria, Aconselhamento e Testagem, Apoio Psicossocial e Prevenção Positiva e actividades de Reintegração aos Cuidados e Tratamento de HIV;
  • Conhecimento básico sobre o seguimento clínico de pacientes em Tratamento antirretroviral;
  • Capacidade de fazer cálculos básicos;
  • Domínio da língua portuguesa (escrita e falada) e da língua local;
  • Experiência em mentoria e supervisão de actividades de campo e experiência desejável em trabalho com Unidades Sanitárias, especialmente ligados ao programa de HIV;
  • Habilidades demonstradas no uso de computador, pacote básico de Microsoft Office (Word, Excel) e email;
  • Ter capacidade de elaborar relatórios e actas de encontros.

Exigências

  • Carta de Motivação (1 pág.);
  • Curriculum Vitae (max. de 3 pág.);
  • Contactos de Três Referências profissionais.

Nota: O assunto do email deve ser o nome do cargo, do contrário, será um factor de exclusão.Se não forem encontrados candidatos adequados, a vaga permanecerá aberta até ser preenchida.
Aviso Legal

A OCSIDA – Organização Comunitária para Saúde e Desenvolvimento, não faz nenhum tipo de cobranças em quaisquer das fases do processo de recrutamento e não procede por via de agentes de recrutamento e são estritamente observados os princípios de ética, Integridade e transparência.

Sobre a Empresa

A Organização Comunitária para Saúde e Desenvolvimento (OCSIDA) é uma organização não governamental moçambicana fundada em 2005. A OCSIDA tem mais de 16 anos de experiência em projectos de HIV e desenvolvimento, incluindo a implementação de projectos de crianças órfãs e vulneráveis ​​(COVs), intervenções para Raparigas adolescentes e mulheres jovens (RAMJ), “Determinadas, Resilientes, Empoderadas, Livres de Sida, Mentoradas e Seguras” (DREAMS) e água e saneamento. Actualmente está a implementar projectos nas províncias de Gaza, Maputo Província e Maputo Cidade.

Data de validade: dezembro 18, 2022
Localização: Marracuene, Matola
Pode candidatar-se a esta vaga enviando um email para recrutamento@ocsida.org.mz

Leave a Response